Cena doméstica Na mesa, Um pouco de carne Um pouco de medo Um tantinho assim de vida (e de fome) Na sala,  Um pouco de drama...

Poema: Cena doméstica

/
0 Comentários

Cena doméstica

Na mesa,

Um pouco de carne
Um pouco de medo
Um tantinho assim de vida
(e de fome)

Na sala, 

Um pouco de drama
(outras tramas)
Escondida nos traços
Urdidos com braços 
e frases a lápis

No quarto, 

Um pouco de desejo
Outro tanto de sono
Uma escova de dente
Um lenço de linho
A vida desalinhada por começar

No outro dia, 

Pesadelos escandidos
Barulho das ruas
Passos que seguem
Horas perdidas
- Noite que não chega nunca!


(Tela de Edward Hopper)


Posts Relacionados

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.