Em meio a uma crise econômica e institucional, surge do nada a notícia: se a eleição presidencial de 2018 fosse hoje (ironia, ironia...) ...

A notícia como distração

/
0 Comentários

Em meio a uma crise econômica e institucional, surge do nada a notícia: se a eleição presidencial de 2018 fosse hoje (ironia, ironia...)  o escolhido seria Lula. Em dois minutos, toda a energia opinativa da mídia e das redes sociais volta-se para esse assunto "relevantíssimo". 

Como no Brasil nasce um otário a cada segundo, traduza esse tempo em bobagens escritas sobre o tema. 

Não vou perder tempo em dizer que essa informação do Datafolha tem valor zero. O que impressiona é a capacidade de distração que isso provoca sobre um fato que ocorrerá daqui a 21 meses. 

Não sabemos o que acontecerá amanhã, imagine no tempo previsto para a realização das eleições presidenciais. 

Seja lá o que for, quem embarca numa notícia como essa merece o País onde vive.


Posts Relacionados

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.