Serviço de interesse público: aumentam as reclamações de consumidores em relação às vendas de produtos vencidos ou deteriorados em superm...

Supermercados da Capital aumentam venda de produtos estragados

/
0 Comentários

Serviço de interesse público: aumentam as reclamações de consumidores em relação às vendas de produtos vencidos ou deteriorados em supermercados de Campo Grande. Os órgãos fiscalizadores da vigilância sanitária tem sido negligentes. 

Carnes, queijos, embutidos e lácteos tem sido frequentemente vendidos sem os cuidados necessários com o padrão de qualidade para o consumo. 

Cortes de carnes embaladas que ficam expostas em geladeiras abertas (gôndolas) tem apresentado sinais de apodrecimento evidente. O consumidor compra confiando na etiqueta de validade e, quando chega em casa, percebe pelo cheiro e pela cor que o produto está estragado. 

Numa pesquisa informal conversei com funcionários de três supermercados. A resposta frequente tem a ver com a queda na demanda e com a necessidade de redução de custos fixos. 

Com isso, houve uma redução do pessoal de controle, demora na reposição do estoque (o que faz com que muitos produtos ultrapasse a data de validade), além de controle de temperatura ambiente e das geladeiras para economizar energia elétrica. 

Em muitos casos, a maioria dos compradores é pouco atenta a detalhes do produto, compra sem observar seus aspectos gerais (no caso das carnes, queijos e iogurtes) e só vai constatar o estrago quando chega em casa. 

A fiscalização parece que não está muito atenta ao que está acontecendo. 



Posts Relacionados

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.