O Governador Reinaldo Azambuja reuniu-se ontem com o futuro prefeito de Campo Grande Marquinhos Trad.  Participaram do encontro al...

Azambuja devia esquecer Bernal: a campanha acabou

/
0 Comentários

O Governador Reinaldo Azambuja reuniu-se ontem com o futuro prefeito de Campo Grande Marquinhos Trad. 

Participaram do encontro alguns vereadores, a vice-governadora Rose Modesto (derrotada na última eleição) e secretários de estado. O mote do encontro foi conciliação para o bem de Campo Grande. 

Isso é saudável. O governador foi civilizado, cordial, simpático. Está tentando criar um clima de superação das rusgas eleitorais - criadas pela campanha que comandou, com ataques pesados abaixo da cintura. 

Azambuja merece todos os elogios pela postura. Ele precisa ajudar Marquinhos a superar os problemas da Capital, é importante que a classe política faça uma concertação pelo bem geral, é fundamental que haja superação de dificuldades em função de vaidades políticas pontuais. 

O único senão é a insistência do governador quando declara que tentou ajudar a cidade e Bernal não deixou. 

A tese não se sustenta. Isso mostra ranço e pequenez.

Mesmo porque a imprensa só ouviu até agora sua versão. Quem conversa com o atual prefeito sobre esse assunto ouve outra coisa. 

Não vou entrar em detalhes aqui porque o momento não é de ficar fomentando conversinhas de comadres, que, pelo que parece, é um esporte que Azambuja e Bernal adoram praticar. 

Sou da opinião que o governador deve esquecer esse assunto. A campanha acabou. Declarar que o prefeito criou obstáculos às suas ações e propostas não agregou valor político à sua administração. 

Bola pra frente. O momento é outro. 

Se Azambuja conseguir fazer uma leitura correta de sua derrota na Capital deve entender que deve ser menos provinciano e mais (só um pouquinho, porque não se pode exigir tudo de uma só cabeça) estadista.

O resto é futuro. 


Posts Relacionados

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.