O Correio do Estado fecha a última pesquisa da temporada eleitoral , elaborada pelo IPEMS, mostrando que Marquinhos Trad tem 36%, Rose ...

Pesquisa IPEMS indica eleição em dois turnos, mas não revela indecisos, nulos e brancos

/
0 Comentários

O Correio do Estado fecha a última pesquisa da temporada eleitoral, elaborada pelo IPEMS, mostrando que Marquinhos Trad tem 36%, Rose 27% e Bernal 15%. 

Nos votos válidos, respectivamente, os números são: 41,3%, 31,1% e 17,8%. 

Mantém-se a diferença de quase 10 pontos percentuais entre o primeiro e segundo colocados. 

De acordo com instituto haverá segundo turno. Nenhum dos candidatos conseguirá somar 50% mais um dos votos válidos.

A pesquisa também não registra a recente onda pró-Bernal surgida nas últimas 48 horas antes do pleito.

Não foi informado o índice de indecisos, votos brancos e nulos. 

A pesquisa foi realizada num momento de extrema volatilidade: o impacto das denúncias contra Marquinhos e seu direito de resposta obtida no TRE. 

A candidata Rose Modesto também apareceu ontem no horário nobre respondendo denúncias feitas por Alcides Bernal. 

O quadro, na verdade, é de indecisão total. 

Até o começo da semana passada, a tendência era de eleição em apenas um turno. Marquinhos foi abalroado por denúncias sobre cargo exercido na Assembléia Legislativa desde quando seu pai, Nelson Trad, era deputado estadual. 

Marquinhos esclareceu que o exercício do cargo é legítimo e que não há cumulatividade de rendimentos, pois hoje tem mandato de deputado estadual. 


Mesmo assim, a campanha negativa motivou militantes dos partidos aliados a Rose Modesto a investirem pesado no tema. 

Ainda assim, no dia da eleição, com muitas especulações nas redes sociais e na mídia, não se sabe exatamente o que poderá acontecer. 

Campo Grande viverá uma das eleições mais tensas de sua história. Não está apenas em jogo a prefeitura da Capital, mas sim o futuro do Governo Azambuja e o jogo sucessório de 2018. 


Posts Relacionados

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.