O governador Reinaldo Azambuja vem a cada dia que passa se apequenando politicamente.  Em vez de atuar com moderação, tentando acalm...

Azambuja entra no jogo sujo de campanha eleitoral

/
1 Comentários

O governador Reinaldo Azambuja vem a cada dia que passa se apequenando politicamente. 

Em vez de atuar com moderação, tentando acalmar os ânimos e não turbinar as baixezas da marquetagem de Rose Modesto, ele segue no rumo contrário, endossando de maneira desequilibrada o jogo sujo de quem não tem juízo nem nada a perder. 

A entrevista concedida ao site Topmídianews hoje indica que Azambuja deve estar pensando que Campo Grande é parecido com seu reduto político: Maracaju. 

Lá ele pode atuar de maneira provinciana, fazendo pose de coronel, levando a campanha para o subterrâneo. 

Em Campo Grande é diferente: a cidade tem uma sociedade esclarecida e diversificada, que não aceita o mandonismo do chefete da hora. 

A postura política do governador é lamentável. Espera-se que ele recupere a razão. Caso contrário, ele será o responsável direto por cindir a classe política de maneira irrecuperável e atrasar ainda mais o Estado. 

Não se faz política com a perspectiva de desunião. Pelo cargo que ocupa o governador devia ser o primeiro a exigir a elevação do nível da campanha. E não o contrário.




Posts Relacionados

Um comentário:

  1. É um grande hipócrita, ele diz não temos nada a esconder na entrevista sem saber que seus correligionários de partido como o atual deputado Beto Pereira mantem funcionários fantasmas na assembléia legislativa, todo mundo na cidade de Terenos sabe disso, Marquinhos fez essa solicitação a estas pessoas porque deve saber dos podres de cada um..

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.