Informações não confirmadas oficialmente dão conta que ex-prefeito de Porto Murtinho e atual presidente da Fundação de Turismo de Mato...

Cintra pode ter direitos políticos cassados essa semana

/
0 Comentários

Informações não confirmadas oficialmente dão conta que ex-prefeito de Porto Murtinho e atual presidente da Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul, Nelson Cintra, poderá ter os direitos políticos cassados nos próximos dias por decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/MS).

Na tarde de ontem circulou informação de que a decisão já teria sido tomada por unanimidade pelo Tribunal. 

Se for confirmada, Cintra poderá recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Como o blog só recebeu a informação após as 23 horas desta quarta-feira, não conseguiu checar a veracidade do fato. 

O informante forneceu o número do processo 197-33.2012.6.12.0020, mas não havia registro de movimentação nesse sentido.



No dia 12 agosto houve intimação do réu, que deveria ser julgado no dia 16 passado. Não houve julgamento, algo que deve ocorrer nessa semana.

A ação do Ministério público contra Cintra vem tramitando desde setembro de 2012. 

De acordo com os termos do boletim de ocorrência, Nelson era prefeito de Porto Murtinho e foi flagrado pela Polícia Militar local distribuindo "generosamente" materiais de construção civil aos moradores do bairro Cohab. 

Cintra tem vida política controvertida. Já foi cassado do cargo de prefeito, retornou por decisão judicial, e carrega nas costas vários processos. Sua equipe de advogados conta com 15 profissionais.

Nos últimos meses, Nelson Cintra foi denunciado de assédio sexual pela jornalista da Ertel, Nilmara Caramalac. 

O caso corre em análise no Ministério Público estadual. 

Nos bastidores políticos, comenta-se que o governador teria sugerido a Cintra que se afastasse do cargo. Ele nega a sugestão. 

Além disso, os funcionários casa não concordam com o modelo de gestão que ele vem empreendendo no setor.

De acordo com as denúncias, Cintra tem usado o cargo de diretor-presidente da Fundação de Turismo como escritório político. Segundo elas, o ex-prefeito tem projeto  para ser candidato a deputado estadual ou federal em 2018.







Posts Relacionados

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.