Talvez o fato de saber que ficaremos algum tempo sem ser obrigado ouvir os discursos da senadora Gleisi Hoffmann (e seus congêneres) pro...

Chega de sonhos, queremos realidade

/
0 Comentários

Talvez o fato de saber que ficaremos algum tempo sem ser obrigado ouvir os discursos da senadora Gleisi Hoffmann (e seus congêneres) provoca em nosso íntimo um certo alívio com o impeachment de Dilma. 

Talvez o fato de não ter que ouvir vozes anasaladas pronunciando aquele "presideeenntaaa" retire de nosso âmago aquele nojo da política que vinha transbordando por todos os nossos poros. 

Talvez o fato de não ter que ouvir o maior rolando lero desse País todos os dias, na figura do ex-ministro José Eduardo Martins Cardozo, seja condição imprescindível no esforço da crença de argumentos são necessários para que a espécie humana tenha alguma chance de convivência fraterna. 

Talvez o fato de saber que não assistiremos mais na TV aquelas propagandas milionárias do PT querendo nos convencer que estávamos vivendo no paraíso na terra seja um ponto alto de inflexão para retomarmos os padrões de serenidade e analisar com isenção e clareza o contexto em que estamos vivendo. 

Talvez o fato de sabermos que a partir de agora estamos lidando com profissionais do poder, com gente que não brinca em serviço e que tem claro quais são os reais interesses a defender, possamos, enfim, tirar o véu diáfano que nos reduzia a idiotas diários das conveniências, e bradar em alto e bom som: chega de sonhos, queremos a realidade! 


Posts Relacionados

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.